terça-feira, 11 de junho de 2019

Cursos mensais da Associação Viva e Deixe Viver promovem arte da leitura e contação de histórias

Projeto Sacola Literária é dirigido a agentes de saúde, profissionais da educação ou pessoas com interesse na atuação em hospitais, bibliotecas e salas de aula


A arte da leitura e da contação de histórias pode ir, literalmente, além da imaginação. Trata-se de compartilhar experiências, proporcionar momentos de entretenimento e de proporcionar bem-estar. Por conta disso, a Associação Viva e Deixe Viver (Viva), organização não-governamental que congrega 1.282 voluntários responsáveis por contar histórias em 91 hospitais do País, conduz o projeto Sacola Literária, com cursos para estimular a arte da leitura e da contação de histórias, por meio da construção de um acervo. No total, 25 vagas são abertas mensalmente e as inscrições são gratuitas no site da entidade. Os próximos programas serão realizados nos meses de julho e agosto.
Estruturada a partir da descoberta da literatura e da forma pela qual seu conteúdo pode ampliar o domínio da palavra, a iniciativa tem como principal atração a Sacola Literária, formada por livros de importantes autores brasileiros, expoentes da cultura regional. Os encontros buscam inspirar ações e atividades educativas, culturais, sociais e humanizadoras, promovendo bem-estar e conhecimento.
Cada curso é composto por quatro módulos, nos quais são distribuídas 200 sacolas, contendo cinco livros infantis. As etapas são realizadas em quatro terças-feiras, durante um mês, das 14h às 17h. Em agosto, o encerramento será marcado por um sarau com todos os participantes. "Nossa expectativa é formar 200 pessoas, abrangendo todas as turmas desde o início do ano até agosto", estima Valdir Cimino, fundador e presidente da Viva.
Um dos objetivos da iniciativa é promover o hábito da leitura, por meio da construção de acervo pessoal e coletivo, ampliando, desta forma, conhecimento, vocabulário e descoberta de novas e velhas narrativas de autores consagrados na literatura infanto-juvenil.
O projeto Sacola Literária é incentivado pela Secretaria do Estado da Cultura de São Paulo e patrocinado pela Pernambucanas.
Serviço (datas e locais dos próximos cursos)
Viva - Projeto Sacola Literária
Julho
Dias: 2, 16, 23 e 30
Local: Escola de Enfermagem da USP
Av. Dr. Enéas Carvalho de Aguiar, 419 - Cerqueira César, São Paulo
Agosto
Dias: 6, 13, 20 e 27
Local: Biblioteca Monteiro Lobato
Rua Gen. Jardim, 485 - Vila Buarque, São Paulo

Sobre a Associação Viva e Deixe Viver
Fundada em 1997, pelo paulistano Valdir Cimino, a Associação Viva e Deixe Viver é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) que conta com o apoio de voluntários que se dedicam a contar histórias para crianças e adolescentes hospitalizados, visando transformar a internação hospitalar num momento mais alegre, agradável e terapêutico, além de contribuir para a humanização da saúde, causa da entidade. Hoje, além dos 1.357 fazedores e contadores de histórias voluntários, que visitam regularmente 90 hospitais em todo o Brasil, a Associação conta com o apoio das empresas Pfizer, UOL, Mahle Metal Leve, Volvo e Instituto Helena Florisbal.

Por Renata Rosa  

0 comentários:

Postar um comentário