sexta-feira, 28 de junho de 2019

Câmara reúne mais de 200 participantes no curso Eleições Municipais 2020 realizado pela Escola do Legislativo da Alepe

Com o auditório tendo sua capacidade superada, organizadores consideram sucesso total a primeira atividade descentralizada da Escola do Legislativo, interiorizando as atividades do serviço e começando por Petrolina/PE.


A primeira edição do curso - Eleições Municipais 2020 - da Escola do Legislativo realizada fora da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), superou a capacidade total que é de 160 pessoas sentadas, do plenário da Câmara de Vereadores de Petrolina/PE, no sertão do São Francisco. O curso realizado das 8h às 13h desta quinta-feira, 27, reuniu participantes não só de Petrolina e de Pernambuco, mas até de municípios baianos próximo como Juazeiro e Casa Nova. 
Para o superintendente da Escola do Legislativo da Alepe, o ex-deputado José Humberto Cavalcanti, a expectativa foi superada e a interiorização do setor é um caminho sem volta."Iniciamos por Petrolina e com muita satisfação e orgulho e aqui foi um sucesso. A gente percebeu a grande participação e perguntamos isso ao presidente da Casa, o vereador Osório Siqueira que nos informou que a capacidade era do espaço de 160 pessoas sentadas, mas com certeza nós tínhamos mais de 200 pessoas presentes", comemorou o superintendente da Escola Legislativa que outros cursos virão. Ele frisa que a proposta do presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros que é aproximar a sociedade do poder legislativo e ai entram as câmaras de vereadores e não só a Alepe.
"Então avalio de forma extremamente positiva, iniciar por Petrolina essa interiorização; Foi um acerto essa decisão do presidente Eriberto Medeiros", acrescentou José Humberto, lembrando que a Escola do Legislativo da Alepe completa 20 anos em 2019 e com diversas atividades de qualificação dos servidores e do público que forma o legislativo estadual em Pernambuco.
Para o desembargador Delmiro Campos, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PE), Delmiro, a união do poder legislativo do estado com o TRE, por meio da Escola do Judiciário, vai per correr todo o estado para trazer aos pretensos candidatos para evitar a judicialização do processo. "O objetivo é difundir conhecimento, porque quando se conhece se evita prejuízos por não conhecer. Conhecimento é um fortalecimento da democracia", considerou o desembargador.
Rosarinha Coelho, vereadora de Dormentes/PE e representante da União de Vereadores de Pernambuco no evento, reforçou a importância do trabalho da Alepe em preparar melhor as pessoas que lidam com o poder legislativo no estado. "A UVP é uma instituição parceira da Assembleia, da Escola da Assembleia. Estamos aqui melhorando os conhecimentos e foi importantíssimo para que as pessoas que participarão do processo político do próximo, estarem preparados, tornando uma manhã muito proveitosa", assinalou a vereadora.
A vereadora Edneuza Lafaiete, do PTB, que veio de Lagoa Grande, distante 50 Km de Petrolina, parabenizou os organizadores pelo conhecimento trazido para o sertão sobre o pleito do próximo ano."Muitas vezes o candidato erra, mas não por querer e sim por não ter o conhecimento e esse curso trouxe esse conhecimento. Então a Assembleia Legislativa está de parabéns trazer essas informações para nós aqui do Sertão. Uma decisão importantíssima para nós", avaliou a vereadora lagoagrandense.
Marcos Andrade, que é chefe da seção de Auditoria de Contas Eleitorais do TER-PE, ressaltou outras mudanças promovidas recentemente, como o fim do financiamento empresarial e a permissão das chamadas “vaquinhas eleitorais”.
“Há também um movimento de alteração significativa na prestação de contas. Talvez se instituir desde já uma pré-campanha e a ampliação dos recursos públicos para financiamento das campanhas. Com isso, começaríamos a arrecadação e aplicação de recursos já no primeiro semestre do ano eleitoral”, informou.
O evento contou com a participação de políticos da região, entre os quais os deputados estaduais Antônio Coelho (DEM) e Lucas Ramos (PSB), assessores parlamentares e profissionais de Direito. além de servidores do legislativo petrolinense e de outras câmaras de cidades próximas. O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, participou da abertura dos trabalhos. 
O curso será promovido nas 12 regiões do Estado. O próximo encontro será realizado em Caruaru, no Agreste, no segundo semestre deste ano.

Texto: Cinara Marques
FOTO: Roberta Guimarães-divulgação-Alepe
Ascom CMP

0 comentários:

Postar um comentário