domingo, 30 de setembro de 2018

Temas administrativos e sociais marcam o encontro semestral dos docentes do campus


O campus Petrolina do IF Sertão-PE, através do Núcleo de Ações Pedagógicas (NAP), realizou ,nesta terça (25), o Encontro Pedagógico 2018.2 Professores, gestão, servidores e convidados reuniram-se no auditório central do campus.  
Pela manhã, os presentes foram recepcionados com um café da manha, que foi embalado pela  voz e violão do aluno do curso de Licenciatura em Música, Leonardo Soares. A reitora, Leopoldina Vera, o diretor-geral, Fabiano Marinho, e o diretor de ensino, Clésio Jonas, deram as boas-vindas aos mestres e desejaram um bom semestre letivo. 
A programação teve início com uma mesa redonda que discutiu temas relacionados à Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. As docentes Juliana Martins e Socorro Tavares,  juntamente com o Pró-reitor de Orçamento e Administração, Jean Carlos, abordaram “Evasão, permanência e êxitos dos estudantes”,” Pertencimento à REDE “” e Orçamento “custo discente”, respectivamente. 
Após esse primeiro momento, a psicanalista clínica, Deise Schmitz, conduziu o encontro. Com o tema “Suicídio e Automutilação na escola”, a profissional elencou características e comportamentos atípicos que jovens e adolescentes podem apresentar e como a família e a escola devem agir diante dessas situações. 
A professora de História, Edivânia Granja, considerou relevantes as temáticas apresentadas. “Parabenizo a comissão organizadora pelos assuntos abordados, principalmente, pelo contexto desafiador  que vivenciamos com  os alunos em sala de aula”, pontuou.
Para a pedagoga do campus e uma das organizadoras, Andreza Castro, o objetivo foi alcançado, pois “conseguimos refletir acerca da realidade social dos nossos jovens, bem como esclarecer e aperfeiçoar algumas práticas pedagógicas”.
À tarde, oficinas sobre plataformas digitais que auxiliam os professores em suas atividades, como o Google Education,  fecharam a programação do evento. 

Escrito por Lucas Augusto / ASCOM

0 comentários:

Postar um comentário